ORAÇÃO DA MISERICÓRDIA

Abril 29th, 2022

CONTACTAR O PADRE LEO

Telemóvel ou WhatsApp (967 317 256)
e-mails – padreleo@sapo.pt – pleo.orlando@gmail.com

ATENDIMENTO
Na Igreja Matriz de Amora, Nossa Senhora do Monte Sião,
Largo da Igreja, 2845-421 Amora.
– Na QUARTA-FEIRA, antes e depois da oração.
– Quinta e Sábado: por marcação.

– Na Sexta: antes depois da oração das 15h, na Igreja Scalabrini (Cruz de Pau, Amora, Rua do Minho)

A Igreja Matriz encontra-se perto da Junta de Freguesia de Amora. Seguir pela rua 1º de Maio e, antes de chegar à Junta da Freguesia de Amora, entrar no Largo da Igreja. (Há lugar para estacionar)
– GPS: 38.628180, 9.118720

Maria Simma: As almas do Purgatório

Junho 21st, 2022

Maria Simma (1915-2004), uma mística austríaca que recebeu o carisma de poder ser visitada pelas almas do Purgatório que a ela se dirigiam pedindo-lhe ajuda. Ela fala com simplicidade em perfeita consonância com a doutrina da Igreja.

Maria Simma, notas biográficas
Intrevista a Maria Simma
As almas do Purgatório disseram-me – Maria Simma
O impressionante segredo das almas do Purgatório – Maria Simma
Exortações das almas do Purgatório
O Purgatório-Testemunhos dos santos
O Purgatório e a oração pelos defuntos
Orações pelas almas dos defuntos – Maria Simma

O PARAÍSO

Junho 20th, 2022

Creio na comunhão dos santos
O Paraíso, a felicidade eterna do Céu

O PURGATÓRIO

Junho 20th, 2022

O Purgatório Felipe Aquino
O que é o Purgatório
A purificação do Purgatório
Orar pelas almas do Purgatório
Porquê rezar pelos defuntos

O INFERNO

Junho 20th, 2022

As penas do inferno
O Inferno em Santa Faustina
Os Pastorinhos de Fátima viram o Inferno
O inferno: a eternidade
O que é a morte eterna

Creio na vida eterna

Junho 20th, 2022

A pessoa humana é um espírito incarnado
A vida cristã é uma luta
Os dois caminhos
De regresso à casa
Os Novíssimos: morte juízo paraíso e inferno
O momento da morte, o juízo particular
Creio na comunhão dos santos
Entrai pela porta estreita
O que é a morte eterna

Medicamentos

Junho 18th, 2022

O QUE NÃO ENCONTRADOS NA FARMÁCIA:

01. Exercício físico é remédio.
02. Jejum é remédio.
03. Comida natural é remédio.
04. Rir é remédio.
05. Legumes são remédios.
06. Sono é remédio.
07. Luz do sol é remédio.
08. Amar alguém é remédio.
09. Ser amado é remédio.
10. Gratidão é remédio.
11. Deixar de lado a ofensa é remédio.
12. Meditação é remédio.
13. Ler e estudar a Palavra de Deus é remédio.
14. Cantar e louvar a Deus é remédio.
15. Comer bem e na hora certa é remédio.
16. Pensar direito e pensar bem com o estado de espírito certo é remédio.
17. Confiar e acreditar em Deus é remédio.
18. Bons amigos são remédios.
19. Ser perdoado e perdoar aos outros é remédio.

Utilizando esses medicamentos suficientemente, raramente precisará dos remédios de farmácia. Tenham todos um bom dia!!!

Os santos anjos

Junho 14th, 2022

«A existência dos seres espirituais, não-corporais, a que a Sagrada Escritura habitualmente chama anjos, é uma verdade de fé. O testemunho da Escritura é tão claro como a unanimidade da Tradição». (Catecismo da Igreja Católica 328)

A existência dos anjos
Quem são os anjos
Os anjos no Catecismo da Igreja Católica
A doutrina da Igreja Católica sobre os anjos

Oração ao Beato João Batista Scalabrini

Maio 28th, 2022

Beato João Batista Scalabrini, bispo e fundador dos Missionários de São Carlos (Scalabrinianianos).

Oh, Bem-aventurado João Batista Scalabrini,
com o coração de Bispo e fervor de Apóstolo,
tu te fizeste tudo a todos.
Escutaste o clamor dos migrantes,
falaste em seu nome, defendeste os seus direitos.
A Eucaristia foi o teu sustento, A Cruz o teu refujo,
Maria, Mãe da igreja, o teu conforto.
Por tua intercessão,
Deus, que Pai, Filho e Espírito Santo,
conceda a paz a toda a humanidade,
proteja os que cruzam mares e fronteiras,
apoiados na esperança.
Abençoe-nos a nós a aos nossos familiares
e concede-nos a graça que confiantes te pedimos.
Amém

Visite o site dos Missionários Scalabrinianos:

João Batista Scalabrini – Biografia

Deus é «Amor»

Maio 25th, 2022

O apóstolo São João afirma: «Deus é Amor» (1 Jo 4, 8, 16). Não diz simplesmente que «Deus ama», mas que «Deus é amor»: o amor constitui a própria essência de Deus (CIC 221). Revelou-nos que Ele próprio é Comunidade de Amor»: Pai, Filho e Espírito Santo, e destinou-nos a tomar parte nessa comunhão, agora e por toda a eternidade.

Deus manifestou o Seu amor na grande obra da criação: criou o homem «a Sua própria imagem e semelhança» e lhe confiou o universo para que o aperfeiçoasse com o seu trabalho. Manifestou o Seu amor na história da salvação: escolheu o povo de Israel, libertou-o da escravidão do Egito, conduziu-o à terra prometida, falou-lhe pelos profetas e, na plenitude dos tempos, enviou o Seu Filho Jesus Cristo. No dia de Pentecostes derramou o Espírito Santo, o Espírito de Amor que habita no coração dos seus fiéis.

Deus é Amor
O Amor de Deus no Antigo Testamento
O Amor de Deus no Novo Testamento
O Amor de Deus é Ágape

A oração é «caminho»

Maio 20th, 2022

A oração é como a vida, é um caminho em que temos sempre que aprender. Em todos os recantos da terra há homens e mulheres que se recolhem para a oração. Em cada orante há sentimentos de gratidão, de louvor, de súplica e de arrependimento; há pedidos de ajuda, de graça e de misericórdia; há desejo de construir unidade, fraternidade; há esperança dum mundo melhor, de bondade, de justiça e de paz; há sede de atingir água nas fontes da vida, pois «Quem reza salva-se; quem não reza condena-se». A oração não é um dever, é uma necessidade. Tal como o nosso corpo precisa de alimento assim a nossa alma precisa da oração. Precisamos da oração como o ara que respiramos, se não respiramos, morremos. Se não comemos, adoecemos e morremos. A mesma coisa acontece à nossa alma: sem oração, ela desfalece e morre. Não é Deus que precisa da nossa oração, somos nós que precisamos d’Ele para vivermos: a oração é o alimento da nossa alma.

Jesus ensinou a «orar sempre, sem desfalecer» (Lc 18, 1-8). Deveríamos «orar sempre, sem cessar» porque precisamos de Deus para viver. Não podemos estar sempre em oração, mas podemos dedicar-lhe alguns momentos privilegiados: a oração da manhã e da noite, a meditação diária da Palavra de Deus, a Santa Missa dominical e outros tempos fortes. Existem duas formas de oração: a oração vocal e a oração mental, uma não exclui a outra. A oração vocal é a mais conhecida, é oração das multidões. A oração mental é uma oração silenciosa baseada na escuta da Palavra de Deus e nos movimentos interiores do coração, incluis a meditação e a contemplação (CIC 2705).

A oração é caminho
A oração vocal
A meditação
A contemplação