Confiar no Pai

Quando Jesus falou de Deus, falou do Pai que ama os seus filhos, e convidou a confiar Nele. Ele próprio é a Presença de Deus: «Quem me vê a Mim, vê a Deus. Quem Me ouve a Mim, ouve a Deus». Deus Aquele que foi e que será, mas sobretudo é «Aquele-que-é»; Aquele que Presente, Aquele que está comigo aqui, agora, neste momento.

Por isso vos digo: Não vos inquieteis quanto à vossa vida, com o que haveis de comer ou de beber … Olhai para as aves do céu: não semeiam nem ceifam, nem recolhem em celeiros; e o vosso Pai celeste alimenta-as.
Não valeis vós muito mais do que elas? Qual de vós, por mais que se preocupe, pode acrescentar um só côvado à duração da suas  vida? 

Não vos preocupeis, olhai para os lírios do campo! Não trabalham nem fiam. Pois Eu vos digo: nem Salomão, em toda a sua magnifi­cência, se vestiu como qualquer deles. Ora se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada ao fogo, como não fará muito mais por vós, homens de pouca fé? O vosso Pai celeste bem sabe que precisais de tudo isso. Procurai primeiro o Seu Reino e a sua justiça e tudo o mais se vos dará por acréscimo. Não vos inquieteis, com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã já terá as suas preocupações. Bem basta a cada dia o seu trabalho» (Mt 6,24-34). 

O Jesus, meu Senhor,
Eu estou tão preocupado e ansioso,
que não não tenho tempo para os amigos,
para a família, nem para ajudar os outros.
Tu queres que eu seja simples como uma criança,
Que confie em Ti, que não me preocupe para o dia de amanhã.

Neste momento, Jesus aqui à Tua frente,
deixo todas as minhas preocupações
Todas as minhas ansiedades,
todos os meus medos e desconfianças.
Entrego-te toda a minha,
tudo o que me preocupa,
toda a minha ansiedade.

Comments are closed.